sexta, 13 agosto 2010 12:18

Centrais hidroeléctricas dão formação à técnicos

Um seminário de refrescamento destinado a operadores das centrais hidroeléctricas do país decorre, desde 26 deste mês, na localidade de Capanda (município de Cacuso), província de Malanje, de acordo com informou  fonte da organização.

Com duração de 45 dias, o curso visa refrescar os conhecimentos dos participantes, bem como uniformizar os capandaprocessos de trabalho com vista a permitir que os operadores hidroeléctricos estejam a altura de atender à eventuais situações e prestarem o seu contributo em qualquer barrangem do país.
Participam na formação 18 operadores das quatro centrais hidroeléctricas de Angola, nomeadamente Cambambe (kwanza-Norte), Matala (Huila), Luachimo (Lunada-Norte), e Biópio (Benguela).
Os participantes abordam matérias relacionadas com a exploração de equipamentos eléctromecânicos, comando de mecanismos, segurança de trabalho e processos tecnológicos.
A central hidroeléctrica de Capanda situa-se nas margens do rio Kwanza, província de Malanje. É o maior empreendimento energético implantado em Angola, com uma capacidade de produção de 520 Megawatts.
Capanda começou a produzir energia eléctrica em Janeiro de 2004, com a entrada em funcionamento da primeira turbina, tendo a segunda começado a gerar energia em 2009 já com duas turbinas operacionais, alimentando as cidades de Luanda, Malanje e o município de Cacuso.
A barrangem de Cambambe está localizada igualmente no Rio Kwanza, na província do Kwanza-Norte, a 180 kilómetros a leste de Luanda. O seu reservatório foi criado por uma barragem em arco de dupla curvatura de 80 metros de altura e 300 metros de extensão.